Os 5 Melhores Peixes do Pará
Os 5 Melhores Peixes do Pará

Os 5 Melhores Peixes do Pará

Os 5 melhores Peixes do Pará em suas variações e riqueza de sabores

Desde que você não seja vegano, vegetariano ou de alguma variação que não come peixes, é muito difícil ir para esse estado e não experimentar os Melhores Peixes do Pará.

Quase todos de origem amazônica, são muito saborosos e encontrados em diversos pratos típicos paraenses. 

Quando fui fiquei em Belém, a capital do estado que têm rios para todos os lados com rica, riquíssima cultura gastronômica. 

Polpa de Açaí com Peixe Frito
Polpa de Açaí com Peixe Frito

Comi peixe com polpa de açaí, com arroz paraense, com arroz branco, no tucupi, comi peixe de tudo que é jeito com tudo quanto é tipo de acompanhamento. 

>> Leia também: os 6 pratos imperdíveis da culinária paraense!

Os 5 Melhores Peixes do Pará são:

Filhote

Dos peixes do Pará que experimentei, foi meu favorito.

Uma espécie de Bagre também conhecido como Piraíba, alcança até 2,5 metros de comprimento e pode pesar mais de 100 quilos.

De águas profundas, é típico da costa da Ilha do Marajó. 

Um peixe de couro, é um dos mais nobres da culinária amazônica e o preferido na paraense. 

Peixaria no Mercado Ver-o-Peso
Peixaria no Mercado Ver-o-Peso

Mas nos últimos tempos eles estão menores, mais raros e mais caros, essa é a maior reclamação no Mercado Ver-o-Peso.

A falta do Peixe Filhote preocupa os donos de restaurante por conta de sua preferência na região. 

Arroz Paraense com Peixe Filhote
Arroz Paraense com Peixe Filhote

O Peixe Filhote pode ser encontrado com molho de Tucupi, Buriti, em Moquecas, entre muitas outras receitas. 

Experimentei este peixe logo que cheguei em Belém do Pará. 

Tucunaré

Do Tupi, pode ser que signifique: “Tucun” Amigo e “Aré” árvore, mas não existe um consenso pois alguns defendem a teoria que recebeu este nome por parecer com à Palmeira, “Tucum” na língua indígena, então não seria a tradução literal “amigo da árvore”.

Os pratos com o Peixe Tucunaré podem ser assado na brasa, com molho de alcaparras ou, o mais comum, recheado e acompanhado de arroz, farofa e uma salada.

Comida Típica do Pará
Comida Típica do Pará

A que comi era na brasa e recheado, estava muito bom! 

Comi quando fui na Ilha do Combú passar um dia com amigos de um amigo meu.  

Ah! É encontrado no Brasil todo mas com no Norte e Nordeste sua presença é mais comum, e por isso esta na lista dos peixes do Pará. 

Pirarucu

Chega a ser maior do que o Filhote podendo medir até 3 metros e mais de 100 quilos, isso porque é um dos maiores peixes de água doce do mundo!

Seu nome também é indíge, vem de “Pira”, Peixe e “Urucum” por causa do vermelho em sua cauda.

A carne é muito saborosa e normalmente é preparado assado na brasa ou no forno, além de ser usado como recheio de salgados assados da região.  

Pacu

O Peixe Pacu é natural de águas doces e é encontrado nos rios da bacia amazônica. 

Por conta do corpo achatado nas laterais pertence ao grupo chamado Peixes Redondos. 

Delicioso Pacu na Ilha do Combu, Belém do Pará
Delicioso Pacu na Ilha do Combu, Belém do Pará

Costuma ser servido assado no forno ou na churrasqueira por sua firma carne com muita gordura e poucas espinhas. 

Também comi na Ilha do Combu

O Blog Belo Alter falou um pouco sobre este tema também, vale a leitura.

Dourada

Também conhecido como Tigre de Rio por conta das listras e por sua bravura e resistência quando fisgado na pesca. 

É muito conhecido por conta disso, inclusive, sendo um dos peixes do Pará mais cobiçados pelos pescadores esportivos.

Também é considerado a majestade amazônica 

Reforço que a gastronomia Paraense é muita rica

Os peixes de água doce ajudam a elevar esse patamar junto com todas a iguarias originadas na amazônia. 

>> Conhece o Jambu, a erva paraense que adormece a boca?

Eu gostei muito de todos os peixes do pará que experimentei e você, teve algum preferido entre os 5 Melhores Peixes do Pará?

Você também pode gostar de ler:

Schmiegelow

Sou Rodrigo Schmiegelow, publicitário nascido em 86. Gosto de viajar e conhecer novos lugares e culturas desde os 11 anos. Passei pelo Canadá, África do Sul e Namíbia e agora estou em uma viagem de moto sozinho pela América - do Ushuaia ao Alaska - para conhecer lugares, pessoas e gastronomia regional simples para o meu projeto O Mundo em Lanches, onde vou transformar essas experiências em lanches deliciosos. E é só o começo, o plano é conhecer o mundo e trazer tudo para você! Acompanhe!

Deixe uma resposta