O Arroz Paraense – Comida Típica do Pará
O Arroz Paraense - Comida Típica do Pará

O Arroz Paraense – Comida Típica do Pará

O Arroz Paraense foi uma das melhores experiências gastronômicas que tive no Pará

Saboroso, o Arroz Paraense acompanhava quase todos os pratos que comi quando estava neste estado com rica cultura gastronômica. 

Mesmo usando ingredientes fortes como o Tucupi, a folha de Jambu e o camarão seco, este acompanhamento tinha uma suavidade que agradou muito meu paladar. 

Ao contrário do impacto inicial de quando comi o Açaí do Pará, que comentei aqui, ou a Maniçoba, que são pratos mais fortes com textura e sabor muito diferentes do que estamos acostumados a comer em outros estados, este prato colorido têm cremosidade de risoto e aquele gosto de quero mais. 

Antes de continuar, deixe eu me apresentar:

Sou Rodrigo Schmiegelow

Rodrigo Schmiegelow em O Mundo em Lanches
Rodrigo Schmiegelow em O Mundo em Lanches, conheça o projeto.

Publicitário especializado em Marketing Digital e atualmente Nômade Digital, isso é, tenho liberdade geográfica e trabalho de qualquer lugar do mundo.

Inclusive é por isso que posso ter experiências incríveis como essa, de conhecer o Arroz Paraense.

Iniciei uma viagem pelo mundo para conhecer lugares, culturas e culinárias regionais e vou trazer grandes surpresas a partir dessas experiências.

Siga o blog do Projeto O Mundo em Lanches pelo Instagram e Facebook e acompanhe todas as novidades.

Viagem de Moto passando por Uruguai, Argentina e Chile
Viagem de Moto passando por Uruguai, Argentina e Chile

Comecei essa jornada de moto pela América e vou continuar por bastante tempo.

Já estou voltando ao Arroz Paraense.

Consegui me tornar nômade digital porque desenvolvi a Metodologia Marketing Digital 5.0 que me oferece essa flexibilidade!

Estou compartilhando um pouco deste conhecimento para pessoas que também querem ter essa flexibilidade atendendo os próprios clientes.

Você pode saber mais sobre a Metodologia nesta matéria no blog da caranaue, minha empresa dessa área.

A partir da minha experiência também criei o e-book Mentalidade Empreendedora que mostra um pouco da mentalidade dos empreendedores de sucesso.

Você pode baixar grátis clicando aqui: Mentalidade Empreendedora, é um material muito legal, você vai gostar!

Aproveite o restante do conteúdo.

E então, o que é o Arroz Paraense

Há várias receitas diferentes na internet, os dois ingredientes que mais se destacam são o arroz e o Tucupi, que é o caldo de mandioca que passou por um longo processo que escrevi nesta publicação. 

O camarão seco e o jambu também fazem parte desta receita, mas conseguem ser bem suavizados no preparo, ajudando mais a reforçar o sabor do prato do que roubando a atenção.  

Como encontrar os ingredientes

Para quem estiver em Belém, no Mercado Ver-o-Peso é possível encontrar com facilidade todos estes ingredientes, mas em outros estados é um pouco mais difícil por alguns serem muito específicos do norte do país.

Em minha pesquisa não encontrei a história dessa iguaria

Mas como é um prato que sintetiza toda riqueza de sabores do Pará, com ingredientes presentes em muitas receitas do norte, é fácil entender que é algo feito em priticamente todas os lares da região.

E que provavelmente surgiu naquele famoso arroz com resto dontê, juntando ingredientes disponíveis em casa para incrementar o arroz do dia seguinte.

Acho que por isso foi um dos grandes destaque para mim, já que gosto muito deste tipo de culinária que aproveita o que se tem. 

É possível achar o prato em São Paulo?

Em São Paulo você encontra o Arroz Paraense pronto para comer o no Quintal Paraense, veja mais sobre este restaurante

Você também pode gostar de ler:

>> os 6 pratos imperdíveis da culinária paraense!

>> 5 experiências imperdíveis em Belém do Pará

Schmiegelow

Sou Rodrigo Schmiegelow, publicitário nascido em 86. Gosto de viajar e conhecer novos lugares e culturas desde os 11 anos. Passei pelo Canadá, África do Sul e Namíbia e agora estou em uma viagem de moto sozinho pela América - do Ushuaia ao Alaska - para conhecer lugares, pessoas e gastronomia regional simples para o meu projeto O Mundo em Lanches, onde vou transformar essas experiências em lanches deliciosos. E é só o começo, o plano é conhecer o mundo e trazer tudo para você! Acompanhe!

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta